Lilypie Second Birthday tickers

Lilypie Second Birthday tickers

quinta-feira, março 31, 2011

Ontem, depois do jantar, ao entrar no carro, estranhei ainda não me teres ligado a dares os parabéns.
E depois caí na realidade.
Nunca mais me vais dar os Parabéns, nunca mais.
Tenho tantas saudades tuas avózita. Sei que és uma estrelinha no nosso céu mas custa tanto...

quarta-feira, março 30, 2011

9 meses

Os nove meses da Inês coincidem com os meus 35 anos. ;)

No dia 12/03 sentou-se pela primeira vez sem ajuda.
No entanto, mesmo depois desta conquista enorme, prefere mil vezes rebolar pelo chão fora a estar sentada e quieta no mesmo sítio. É tão engraçada... Acho que vai ser muito traquina!
Já há uma primeira palavra oficial. Um Olá, dito em jeito de a-há. Nada de mamã, nem papá... Hão-de ser as próximas palavras.
Já bate palminhas, ( a mão direita aberta e fixa e a ponta dos dedinhos da mão esquerda a baterem), já faz "mais cinco", dá a mão para eu "papar" e começamos a trabalhar "a galinha põe o ovo"...
Que conversa tão parvinha não? Mas é assim mesmo, as mães babadas vibram com estas pequenas grandes conquistas dos seus bebés...
Ontem fomos à pediatra e, apesar da enorme constipação (ficou doente no fim-de-semana e ontem até a mãe ficou de molho) , está com 10,200 kgs. e mede 72 cm, está uma matulona que já veste alguns 12/18m sem grande dificuldade!
É uma fofa, linda!!!!

segunda-feira, março 21, 2011

O João...

Ando sempre a correr, a correr, com o tanto que os meus dois pequenotes me dão que fazer...
Acho que estou há mais de 2 semanas para dar aqui um salto e actualizar este blogue, quanto mais não seja, para que mais tarde possa recordar as conquistas dos meus amores.

O meu amor maior, está já em contagem decrescente para os 6 anos.
Olho para ele e fico incrédula, o meu bebé está quase a ir para a escola primária.
Está mesmo grande, perdeu as feições de bebé , é agora um rapazinho!!!
Já quer escolher a roupa, tem uma opinião acerca de tudo, já não aceita histórias mal contadas, quer tudo explicado e ao pormenor.
Já junta as letras, identifica muitas palavras e escreve algumas sozinho.
Não lida nada bem com as frustrações e quando faz alguma asneira, tem um poder de auto-crítica tão grande, exagerado até, que muitas vezes terminamos a conversa comigo a apaziguá-lo e ele a ralhar consigo próprio... Herdou isso de mim, é muito exigente com ele mesmo, e isso é tão mau, vai sofrer tanto pela vida fora...Quem me dera poder tirar-lhe esse fardo mas como me disse a educadora, cada um é como é e só podemos tentar ajudá-lo a ultrapassar esses sentimentos e tentar mostrar-lhe que todos erramos, sem excepção.
É muito carinhoso, muito preocupado com o bem-estar da família e dos amigos. Ajuda-me imenso com a irmã... é mesmo o meu ajudante como lhe costumo chamar, tem um amor tão grande por ela, é bonito de se ver!!

terça-feira, março 01, 2011

Curtas

Eu e o João no carro, ouvindo aquela música do Tim "Eu queria ser astronauta, o mau país não deixou... Depois quis ir jogar à bola, a minha mãe não deixou...lalalala"
-Mamã, coitado senhor. Não o deixam fazer nada!!!!!