Lilypie Second Birthday tickers

Lilypie Second Birthday tickers

terça-feira, julho 29, 2008

começar mal o dia, mesmo mal é...

sair de casa sem dar um bom dia ao meu João Ratão...
o beijo que lhe dei na testa não perturbou o seu soninho descansado e eu sinto-me tão vazia por não ver o seu sorriso ao acordar...

terça-feira, julho 22, 2008

é bonito e por isso vale a pena ler... :)

"O VASO CHINÊS"
Uma velha senhora chinesa possuía dois grandes vasos, cada um suspenso naextremidade de uma vara que ela carregava nas costas.
Um dos vasos era rachado e o outro era perfeito. Este último chegava semprecheio de água ao fim da longa caminhada do rio até casa, enquanto o rachadochegava meio vazio.
Durante muito tempo foi assim, com a senhora chegando a casa somente com umvaso e meio de água.
Naturalmente, o vaso perfeito era muito orgulhoso do próprio resultadoenquanto o pobre vaso rachado tinha vergonha do seu defeito, de conseguirfazer só metade daquilo que deveria.
Depois de dois anos, reflectindo sobre a própria amarga derrota de ser'rachado', o vaso falou com a senhora durante o caminho:
'Tenho vergonha demim mesmo, porque esta fenda que eu tenho faz-me perder metade da águadurante o caminho até a sua casa...'
A velhinha sorriu:
Reparaste que lindas flores há somente do teu lado do caminho? Eu sempresoube do teu defeito e portanto plantei sementes de flores na beira daestrada do teu lado. E todos os dias, enquanto voltavamos, tu regáva-las.
Durante dois anos pude recolher aquelas belíssimas flores para enfeitar amesa. S
e tu não fosses como és, eu não teria tido aquelas maravilhas naminha casa.Cada um de nós tem o seu próprio defeito.
Mas é o defeito que cada um de nós tem, que faz com que nossa convivência seja interessante e gratificante.
É preciso aceitar cada um pelo que é... E descobrir o que há de bom nele.

'Portanto, meu 'defeituoso' amigo/a, tem um bom dia e lembra-te de ir regandoas flores do teu lado do caminho... Agradeço-te por todas as flores que jáme deste a colher com isso!!

sexta-feira, julho 18, 2008

E eu...

e eu?
no meio disto tudo, foi um serão diferente!
Sozinha, em silêncio, sem pedidos para que arrume os brinquedos, sem avisos que está na hora de dormir, sem ralhetes por atirar com as almofadas pelo ar e só querer dar saltos na cama para depois se atirar para cima dela entre gargalhadas...
O silêncio, o tempo para fazer o que me apetecesse e eu sem saber como é que isso se faz, já não me lembro...
Tempo para estar sentada no sofá, com a sala toda arrumada, o som da televisão em fundo, um copo de vinho para relaxar do dia tão cheio de correrias e de trabalho... O silêncio...
Ainda peguei nas agulhas e "artesanei" um pouco, sem interrupções, com todo o tempo do Mundo, de vez em quando parava porque parecia que algo não estava bem...
Estranho... Tão estranho que doeu!

Ontem ...

todos os dias me queixo do facto do João Ratão não ser de muito dormir!
Pois ontem, por ter dormido dez minutinhos no carro, antes da hora de almoço e histérico com a tv nova que a vov
o D. e o tatá compraram (mais pela parte da caixa e esferovite, etc) não dormiu durante a tarde...
quando cheguei à minha mãe estava completamente cheio de sono, ou seja, a fazer birras pelas coisinhas mais parvas que se possam imaginar!
durante o caminho para casa não queria que dormisse porque senão recuperava por mais umas largas horas e à hora de deitar ia estar tramada... por isso, para o entreter, durante toda a viagem de cerca de 20 m fomos uma princesa com voz de falsete (no final até já me doía a garganta de falar assim) e um Sandokan herói, que responde com uma voz mais grossa do que é normal e com uma cara séria, desesperadamente a tentar esconder um sorriso de alegria pela brincadeira de faz-de-conta com a mãe... combinamos montar nos nossos cavalos e ir procurar os maus...
quando chegamos a casa, voltaram as birras e por isso, requisitei o meu novo ajudante de cozinha! Eu piquei a cebola e ele retirou uma colher de chá de massa de alho do frasquinho! Fechou-o e depois, ajudou-me a por o azeite no tacho... Enquanto o refogado começava, parti o tomate e foi ele que o deitou no copo da trituradora, pegando cada bocadinho com as suas mãozinhas , espantado com a textura do tomate que estava gelado do frigorífico! Depois foi triturá-lo, carregar no copo e sentir aquele tremelicar que o fazia rir descontroladamente... No final ainda deitou os coentros para o tacho e lá fomos tomar banho...
Um banho de espuma e com braçadeiras para nadar na banheira olímpica...
O jantar correu bem, estava com fome e sei que o facto de ter participado na sua feitura faz toda a diferença... Acabamos de jantar à 8.50 e já pedia para ir para a cama... e assim o fez...
Deitei-o e dei-lhe o seu biberão de leite (imprescindível no adormecer)! Beijei-o e disse que voltava para ver se estava tudo bem!
Às 9.10 já dormia o meu pequeno Rei!!! Tão sereno e visivelmente esgotado de um dia tão preenchido...

quarta-feira, julho 16, 2008

Desafio

Não sou nada dada a desafios e correntes de amizade e prémios e desde já peço desculpa por todos os prémios recebidos e não agradecidos e por todas as correntes que quebrei...lolol
Mas como esta minha amiga querida me pediu com muito jeitinho (lol) aqui vai:

1. O que estava a fazer há 10 anos atrás?

A trabalhar ou a estudar para os exames, provavelmente de férias para estudar... :S

2. Quais são as coisas que tens na sua lista para fazer hoje ? (relatar pelo menos cinco coisas)

Ir buscar o João, fazer o jantar, dar-lhe banho, brincar com ele e tentar fazê-lo dormir a horas decentes... (recuso-me a falar de trabalho, ainda morriam de tédio!)

3. Snacks /petiscos que gostas

Queijo
Pipocas salgadas
Tremoços
Salada de polvo
Chouriço assado

4. Coisas que eu gostaria de fazer se fosse bilionária:

MUDAR DE VIDA

5.Lugares que já morei:

Sempre por estes lados do Norte!


Não passo a ninguém por razões óbvias!

Olá!

























Eu sou a Lipi, a mascote da APFP - Associação Portuguesa dos Amigos das Crianças Portadoras de Fendas Lábio-Palatinas.

- Fendas lábio-palatinas e fendas labiais são mais frequentes no sexo masculino e que fendas palatinas isoladas são mais frequentes no feminino?

- Sabiam que em cada dois minutos nasce, no Mundo, uma criança com fenda labial, palatina ou lábio-palatina (FLP)?



Estas informações foram retiradas daqui!!!

Não deixem de espreitar!!!!

:)

quarta-feira, julho 09, 2008

Ainda a respeito do castigo dos banhos sem espuma que durou de segunda até ontem exclusivé (lolol), perguntou-me ele na segunda-feira se ia tomar banho de espuma, ao que lhe respondi que não, porque estava de castigo, pois tinha feito uma asneira, blá, blá, blá... responde-me com um ar muito decepcionado:
- Oh! Vou tomar banho de água?

segunda-feira, julho 07, 2008

asneirinhas de fim-de-semana

Tenho uma colega que sempre que me pergunta pelo João quer saber se ele tem feito muitas asneiras .
Como ele é um menino bastante fácil, respondo normalmente que não, deixando-a sempre muito decepcionada...lol

Pois deste fim-de-semana há 2 pequenas historinhas para contar:

A primeira passou-se no Sábado... Fomos visitar a Quinta de S. Inácio (pode ser que dê outro post mas da maneira que isto anda, duvido muito!) e no final, dei-lhe um mini-milk. Sentei-o numas escadinhas a comer o dito e virei as costas para deitar o papel ao lixo. Quando me virei de novo para ele, tinha pousado o gelado no chão para coçar o olho.... ainda abri a boca para refilar com ele, passou-me pela cabeça não lhe dar outro gelado e vir-me embora mas tive pena dele... expliquei-lhe que não se podia pousar a comida no chão porque depois não se podia comer e lá fomos gastar mais 50 cêntimos...só me pergunto o que seria se eu tivesse demorado mais um bocadinho e ele acabasse de coçar o olho entretanto... morrer não morria de certeza, não é mesmo?

A segunda, passou-se no banho de Domingo. Como anda viciado nos banhos de espuma, preparo-lhe a banhoca e vou andando entre o meu quarto e a casa de banho para não estar ali a secar as horas que ele está de molho. Apanhei-o com o frasco do gel de banho na mão e disse-lhe para não mexer e ele pousou-o. Saí e quando voltei estava de novo com ele. Para não me chatear resolvi pegar nele e pô-lo longe do seu alcance só que, mal o levantei percebi que estava VAZIO!!! Vazio, um frasco de meio litro de gel de banho que tinha sido posto a uso no início da semana... a água até estava azul, acho que ele deve ter pensado que a espuma que tinha não era suficiente ...
Claro que me passei completamente e disse-lhe que de castigo, nos próximos tempos iam-se acabar os banhos de espuma.

Durante o jantar ainda teve a lata de me perguntar se ainda estava zangada com ele ou se já me tinha passado a telha...

Ai, ai...

Pediatra

Não tenho andado com grande vontade de escrever e quando assim é, não forço nada, uma vez que este blog foi criado para me dar prazer e não para ma atormentar como sendo mais uma obrigação a cumprir (já tenho tantas)...
O João está a passar uma fase muito engraçada, em que cada vez mais me surpreende pelas suas tiradas inesperadas, às vezes nem acredito que ele já entende tão bem certas coisas...
Temos passado muito tempo a dois e talvez por isso a nossa cumplicidade cresceu ainda mais...
A semana passada fomos ao pediatra e ele está muito bem! Mede um metro e pesa 16 kgs, o pediatra receitou-lhe já um reforço para as suas defesas que vai começar a tomar em Setembro, Outubro e Novembro nos primeiros dez dias de cada mês... o ouvido continua com mau aspecto, nem quero pensar que a otite serosa se confirmará quando voltarmos à otorrino em Setembro...
O João portou-se mais ou menos, apesar de já estar mais crescido o medo que tem do pediatra mantém-se... no caminho, começou logo a perguntar se íamos ao médico de bigode e quando eu confirmei foi o caminho todo a dizer, o bigode não, o bigode não... (secretamente até desejei que o médico o tivesse cortado, facto que não se veio a verificar) prometi-lhe, garanti-lhe que ia estar sempre com ele, que o médico era amigo, que não lhe fazia mal, etc, etc mas quando chegou a hora da verdade agarrou-se a mim com toda a força e disse ao médico que não queria picas...lol... ele garantiu-lhe que não ia haver picas, pediu para que confiasse nele mas o João manteve-se na dele, ao ponto de, no final, recusar o balão que o Professor lhe ofereceu com um simpático mas firme: eu não preciso do balão....
Quando saímos do consultório acabou o drama e até queria ficar lá a brincar... enfim...

quarta-feira, julho 02, 2008

1º Congresso Ibérico - Fendas Lábio-palatinas

vale a pena ir visitando este blog!
A data ainda é longínqua mas tenho a certeza que nos deixará a todos, especialmente pais, muito mais informados e orgulhosos dos bons profissionais com que podemos contar!