Lilypie Second Birthday tickers

Lilypie Second Birthday tickers

terça-feira, dezembro 23, 2008

segunda-feira, dezembro 15, 2008

2 anos

Há dois anos atrás nascia uma linda menina de seu nome Maria.
Amo-te muito minha princesa-diabrete.
Parabéns!

sexta-feira, dezembro 05, 2008

Sem título

Após o banho, enquanto se vestia, disse-me que queria ter um irmão e uma irmã.
Eu perguntei-lhe:
-Tens a certeza? Olha que iam ser uns bebés muito pequeninos, como o D. e o G. e logo 2? Porque não só um? Mas ele quer 2, um menino e uma menina (lá está, a ideia louca que eu tenho de engravidar de gémeos para poder vir a ter os 3 filhos que sempre quis)
Ele disse que sim, que queria na mesma, só não queria que fosse o M. lá da escola de quem ele não gosta nada, acho que ele não compreende bem o conceito de irmão mas deve ter ouvido falar .
Eu adorei a conversa e também queria tanto... se a vida fosse assim tão fácil... Bolas....

Já agora, e já numa fase de tolices, perguntei-lhe os nomes dos manos, o menino era Muu e a menina qualquer coisa parecida com jinglebells que era a palavra de ontem... (agora escolhe uma palavra, repete-a vezes sem fim e ri-se que nem um perdido, que fase tão "engraçada")

O castigo

Anteontem as birras foram tantas e de tal mau tom que ficou sem chocolate do Calendário de Natal como castigo... Disse-me que era feia, má, que não gostava de mim, etc...Fez birra no banho, ao jantar e por isso, deu-me uma coisinha má e disse-lhe que não havia chocolate para ninguém, claro que as birras aí duplicaram mas eu mantive-me firme.
Ontem acordei mesmo desmoralizada, preocupada, mal-humorada...
A primeira coisa que me perguntou de manhã foi se já podia comer o chocolate, respondi-lhe que não, que o chocolate se comia após o jantar e só em caso de bom comportamento, coisa que não tinha acontecido no dia anterior...
Ontem, quando chegamos a casa, até estava meio amedrontada só de pensar no que estava para vir.
Portou-se lindamente, parecia outro, estava sempre a perguntar-me se se estava a portar bem...
Tomou o banho sem fitas, vestiu-se sem fitas, brincou e viu os desenhos animaos enquanto eu fazia o jantar, comeu direitinho sem birras e por isso...
Após o jantar, comeu o chocolate de ontem e o de anteontem...
Adormeceu sem fitas nem dramas e eu também, com um sorriso nos lábios, sem a sensação de passar as cerca de 3 horas diárias que tenho com ele a ralhar-lhe e a castigá-lo...

Três horas em 24... Caramba... Dá que pensar não?

quarta-feira, dezembro 03, 2008

A nossa casa vestida de Natal



E por fim a nossa árvore... Este ano fui eu que coloquei as luzes pelo que os fios estão um pouco à mostra... O João Ratão ajudou em tudo e insiste em constante remodelações... Estou bem tramada... :)

A nossa casa vestida de Natal
















terça-feira, dezembro 02, 2008

Pensamentos intímos

Hoje é dia de festa de anos e de viagem de autocarrro que deve estar a decorrer neste preciso momento... Glup?

Preparativos para o Natal

Ontem já enfeitamos a casa e montamos a árvore mas como as chaves da arrecadação estavam com o papá e era lá que estavam as luzes, não deu para enfeitar a árvore... O João ficou muito desiludido, até disse que o papá era um ladrão de luzes... Quando a minha mãe telefonou contou-lhe logo e tal era a revolta que até tinha a mão na cinta...

Este ano pus o calendário de Natal à mercê dele para que seja o João a mudar os dias e a ter um pouco mais de noção de quanto tempo falta para o Natal... Talvez assim deixe de me perguntar todos os dias e a todas as horas se já é Natal... É que depois respondo-lhe que não e ele ficar super triste...

Resolvi fazer o presépio apenas com a Maria, o José e o Jesus... O ano passado fi-lo completo mas quis mudar... E não é que fui dar com ele a brincar com as peças de porcelana, dadas pela madrinha da minha mãe há que séculos? Até engoli em seco e falei com muita calma, que não era de brincar e tal mas passado um bocado já estava outra vez...Tive de mudar de lugar e pô-lo num sítio inacessivel.

Também abriu ontem o calendário de Natal com os chocolates, pedi-lhe para procurar o n.º1 e depois de muito olhar encontrou o 11, disse que tinha de ser só um 1 e ele deu com ele.
Abriu a janela, retirou o chocolate e quando eu lhe ia perguntar o que era, ele perguntou:
-Posso comer? E comeu...(era um pinheirinho, que insensível...)
E depois queria abrir todas as janelas para ver as surpresas e por isso tive de guardar o calendário bem alto para ele não chegar lá....

Portanto, o presépio este ano, está ao lado do calendário de Natal, lá bem no alto!!!!
Vamos ver hoje como vai correr com a árvore de Natal...

Sexta

O jantar de sexta com os padrinhos e a pequena M. foi um sucesso, portou-se bem e estava todo animado!

Quando iam no carro a madrinha disse que já estava a caminho com os seus meninos, ao que o João respondeu que não era menino dela mas sim da mamã... (babababa)
Ela perguntou-lhe se podia ser um bocadinho dela e ele acedeu...lolol

Quando cheguei a casa deles nem havia sítio para pôr os pés , tal era a quantidade de brinquedos que aqueles dois conseguiram desarrumar! É impressionante, eles nascem mesmo para desarrumar...
Ele estava animado mas nitidamente cansado porque começou logo com birras por tudo e por nada mas o importante é que se divertiu e teve o seu primeiro programa de sexta à noite sem pais... Uau...

sexta-feira, novembro 28, 2008

Hoje...

Hoje acordou com um sorriso nos lábios, quis logo levantar-se e ir tomar o pequeno-almoço.
Finalmente o dia tão desejado de ir para casa da avó de tarde e depois à noite ir jantar com os padrinhos e a pequena M. e ainda seguir para casa deles e brincar...
Expliquei-lhe bastantes vezes o programa completo para que não ficassem dúvidas que só à noitinha o ia buscar mas ele está tão contente, tão contente.... foi mesmo ele que o disse enquanto o vestia....
E como tal, ainda que tudo isto aconteça por eu ter de fazer noitada no trabalho, também eu estou contente por ele.... é a primeira vez que faz um programa deste género... somos mesmo pais-galinha/galo...lolol

quinta-feira, novembro 27, 2008

Primeiro convite para festa de aniversário

Ontem recebeu o seu primeiro convite para um festa de anos de um amiguinho da sala...
Vinha numa excitação tão grande que mal saiu do carro, sentou-se no chão da garagem tirou tudo de dentro da mochila ate encontrar e me dar o papelinho para eu ver e assinar a dar autorização (vai a sala toda à festa que inclui um pequeno transporte de autocarro (glup) e um programa bem giro que eles vão adorar de certeza, vão acompanhados pela directora, educadora e auxiliar)... Claro que ralhei com ele mas deu-me um gozo aquela excitação e o mais certo é que ele nem saiba bem onde vai ser e no que vai consistir porque senão acho que nem dormia até lá...lolol
Assinei e autorizei claro mas já sei que na terça vou andar a modos que ansiosa...

quarta-feira, novembro 26, 2008

acabei de beber um chá preto bem quente com leite... que saudades tenho de ti vovó...

terça-feira, novembro 25, 2008

Natal

A festa de Natal está quase a chegar...
Os pais foram convocados para participar activamente e pelos vistos vou fazer parte do coro...lolol.. menos mal que assim no conjunto ninguém pode dizer que fui eu a responsável pela falta de harmonia... No Sábado de tarde temos o primeiro ensaio...

O João anda todo animado a cantar sempre a mesma música de Natal que fala do Pai Natal e da rena Rudolfo... Todos os dias acrescenta mais algumas frases mas depois pelo meio confunde-se e é divino ouvi-lo, canta com muita vontade, com voz sonante e vai fazendo gestos , adoro... estou sempre a pedir-lhe para cantar mais uma vez e ele não se faz rogado....
Ontem quando chegou ao carro disse que andavam a aprender para a festa de Natal mas era segredo e começou logo a cantar mesmo na rua...lol

Por causa disso tudo anda completamente histérico com o Natal...
Dos anúncios de TV que exploram as criancinhas até ao tutano quer tudo, sejam carros, jogos, bonecos, bonecas, etc...
No Domingo de tarde deu na TV o filme Madagáscar e ele dizia o tempo todo que também queria aqueles bonecos...lolol...
Quer tudo, folheia os catálogos de Natal que guarda religiosamente e até leva para a casa de banho para analisar com mais calma e diz: Quero isto, isto, isto e isto e isto.....
Digo-lhe constantemente que com tantos brinquedos o Pai Natal vai ter de fazer uma selecção porque não pode trazer tanta coisa, tem mais meninos e não tem muito dinheiro e tal...
Ontem vínhamos no carro e perguntou-me como é que o Pai Natal ia deixar os brinquedos na nossa casa se era tão gordo e de certeza não ia conseguir descer pela chaminé... Estava mesmo preocupado...
Eu respondi-lhe que como já havia muitos meninos no nosso prédio ele ia estacionar o trenó na árvore em frente à nossa varanda e entrava pela janela que era mais larga.... lol

Natal portuense

Sorry mas têm de clicar na imagem para aumentar.... Não há árvore de Natal gigante mas há muita coisa para fazer....

Para começar bem o dia...

Todos os dias de manhã, quando chegamos à garagem a primeira coisa que faço é pôr o carro a trabalhar enquanto o João corre desalmadamente garagem fora à volta dos carros dos vizinhos...
Hoje, depois destes dois rituais cumpridos, das tralhas pousadas, já estava eu a chamá-lo para irmos embora quando me diz que quer fazer cocó... Toca a desligar tudo e lá fomos... Chamamos o elevador e de lá saiu o nosso vizinho do 4.º andar que cumprimentou o João e este respondeu-lhe com um ar muito feliz:

-Eu vou a casa fazer cocó!!!!

sexta-feira, novembro 21, 2008

A consulta à nova otorrino

a visita à nova otorrino deixou-me um pouco confusa/esperançada/com-a-sensação-de-termos-andado-a-marcar-passo....
Não sei...
Confirmaram-se as otites serosas em ambos os ouvidos, confirma-se que ele não está a ouvir bem .
O facto de ter tido uma otite aguda durante a varicela pode tê-lo levado à perda de audição durante algum tempo e ainda estamos dentro do prazo, portanto este ouvir pior pode ser consequência disso mesmo e não agravamento da situação...
Manteve 2 dos medicamentos que estava a tomar mas um deles em doses bastante mais reforçadas e o outro que estava a pôr a seguir ao soro, pelos vistos substitui o soro...
Vai tomar um anti-estamínico e daqui a um mês voltamos lá, dois dias depois do estudo auditivo completo que o mandou fazer.
Se este tratamento não trouxer os resultados desejáveis ainda o podemos intensificar mas depois disso, em caso de insucesso, será mesmo operado e colocará novos tubinhos...
Ainda me disse que, em caso de suspeita de otite devia tentar que ele fosse visto por ela, porque qualquer pediatra não avisado da sua situação detectaria logo uma otite (tal é a miséria em que se encontram os ouvidos) e lá viria mais uma dose de antibiótico desnecessária e isto fez-me pensar tanto.... :(
Disse à médica que havia alturas em que percebia que ele não estava mesmo a ouvir bem mas outras duvidava, não sabia bem se era falta de audição ou rebeldia...
Estava o João de costas para nós a mexer onde não devia e eu chamá-lo sem que ele reagisse... A médica disse-lhe:
-João , queres um chupa?
E ele virou-se logo... Ai vida....

quinta-feira, novembro 20, 2008

Eu

Tenho andado desaparecida destas bandas... tenho lido alguns dos vossos cantinhos mas muitas vezes nem comento, não passo da intenção de vos dizer algo...
O João lá continua a sua vida, a adaptação à escola está completa, está sempre cheio de enrgia e super traquinas...
O tratamento aos ouvidos continua mas sem muitos resultados a nível da audição... Noto que está a ouvir mal, a resposta "O quê?" tornou-se demasiado frequente e usa-a sempre, mesmo quando ouve o que me deixa um pouco à nora, apanho-o frequentemente a olhar para a minha boca enquanto lhe digo algo, no carro muitas vezes não percebe bem o que lhe digo e tenho de pôr a cabeça de lado para que me compreenda...
Hoje vamos ouvir mais uma opinião...

A vida está difícil, é difícil manter o ânimo... O país está em crise, a miséria vê-se por todo o lado, tentamos lutar, remar contra a maré mas parece que é tudo o que fazemos, sem avançar um só milímetro, se calhar até estamos a recuar se é que não nos estamos mesmo a afundar...

Estou cansada, carente, com pouca paciência, com pouca esperança, preocupada com o João, sempre com a cabeça a fazer contas e mais contas...
Tenho medo de não conseguir aguentar mas depois limpo os pensamentos da minha cabeça e decido que sou forte e que por isso aguento tudo...
Será que sim?
Claro que sim, olha à tua volta, há pessoas bem piores...
Ok... Mas será que aguento?


Para agora fico à espera do que vamos ouvir hoje...Mas parece que pressinto o desfecho e não quero nem pensar mas tudo o que faço é pensar e pensar e pensar....

quarta-feira, novembro 12, 2008

Os amigos

Li isto aqui e dedico à minha mana do coração M.
Obrigada por estares na minha vida, sem ti não saberia como continuar, tantas e tantas vezes...

Os amigos


"Os amigos. Entrariam por uma casa em chamas para nos salvarem.

Mentem por nós à nossa própria mãe.

Sabem de nós mais do que somos capaz de lhes dizer.

Jurariam que à hora do crime estávamos a tomar chá com eles. Mesmo que a polícia nos encontrasse com as mãos cheias de sangue.

'São rosas, senhores. Andei com ela toda a tarde a cortar rosas, senhores. Sangue de espinhos, senhores.

'Eles exigem-nos coisas de nada.

As nossas lágrimas.

O nosso lenço de assoar.

A pele dos nossos inimigos.

As batatas fritas do nosso bife.

A nossa melhor roupa, por uma noite.

Exigem-nos tudo o que nos dão.

É preciso regá-los regularmente: é nos ombros deles que cai toda a água dos nossos olhos.

Eles espevitam-nos o sentido de humor quando menos nos apetece.

E depois ficam connosco quando as luzes se apagam e toda a gente se foi embora.

Só aos amigos é dado o espetáculo da nossa miséria."



de A Instrução dos Amantes, Inês Pedrosa

terça-feira, novembro 11, 2008

Dia de S. Martinho

Hoje lá levou as castanhas já golpeadas para o magusto da escolinha...
Ontem quando me viu a prepará-las e lhe expliquei o que era, os olhinhos dele brilharam e foi todo orgulhoso pôr o saquinho na mochila para hoje não nos esquecermos...
A vida é bela aos 3 anos e torna-se perfeita com coisas tão simples como um saquito com umas castanhinhas... Amo-te meu João Ratão!

PS - acho que nem sequer gosta de castanhas... :)

Carlos Paiao - Cinderela

Já agora... esta é a minha preferida de todas!!!
:)

Pó de Arroz - Tributo a Carlos Paião

Um miminho que um grande amigo, logo pela manhã, me ofereceu!!!
:)

segunda-feira, novembro 10, 2008

Fim-de-semana

Este fim-de-semana voou tão depressa que até parece mentira, sei bem como esta semana vai ser longa, tal é o cansaço...
Sábado de manhã - máquinas e máquinas de roupa, lavar e estender...
Sábado de tarde e de noite - trabalhar no negócio de família...
Domingo de manhã - a fantástica madrinha M. e M.. que está quase a fazer 2 anos (como o tempo voa), vieram lá para casa para brincar com o João, enquanto eu dava um salto ao Continente para comprar os presentes dos míudos. Ficou já tudo tratado mas que desgaste...lol ... Quando cheguei estavam a brincar e parece que correu bem, estava tão bem educado o meu filho.ç Pedia à M. se podia brincar com as coisas... lindo... se fosse assim comigo também...lol :)
Domingo de tarde - Tive de fazer o Iva do negócio de família e com muita sorte apareceu a Tia R. que brincou muito com o João que estava a morrer de saudades dela e que se divertiu imenso.
Ele até dizia :Tanta gente! De manhã a M. e a M. e à tarde a Tia R.
Estava feliz o meu pequenote!!!
Quando finalmente dei por terminado o trabalho fui-me deitar com o João porque estava derreada... Comecei a rever mentalmente se estava tudo ok e lembrei-me:
a) que não comprei as castanhas que o João amanhã tem de levar para a escola;
b) que não decoramos a castanha de cartolina que o João tinha trazido da escola. O meu coração caiu ao chão. Eu sei que o objectivo era divertirmo-nos os dois ou o pai e ele, a fazê-lo mas com tanta coisa passou-me completamente. Fiquei triste, muito triste. Cheguei à conclusão que este fim-de-semana falhei com ele.
Às 23:00 estava aqui a mamã a recortar braços e pernas, a colar olhos e a desenhar uma boca e um nariz à Sra. D.Castanha.
Hoje de manhã mostrei-lhe e ele gostou, ficou animado mas dentro de mim sei que o objectivo da coisa não era de todo este.
Não sou perfeita, nem o pretendo ser mas que foi uma dura lição para mim foi. Ai vida corrida que me destorces as prioridades e me deixas assim de coração tão apertadinho...
:(

sexta-feira, novembro 07, 2008

Post bastante superficial e materialista

Hoje era dia de fotos na escola.
Ficou decidido que não levavam uniforme, apenas a bata.
E esta mamã tinha preparado uma roupinha toda catita para o menino levar, uma camisola giríssima que tinha comprado nos saldos do ano passado, tamanho grande , para que servisse este ano...
Começo a vesti-lo e horror dos horrores... A camisola fica-lhe enorme parece um saco de batatas...
Fiquei triste, especialmente porque percebi que afinal não estou nada servida de roupa para este ano mas sim para o que vem...
Ele foi bonito na mesma porque é sempre bonito, para mim claro mas fiquei chateada... Vou ter de lhe comprar umas camisolitas...Bolas...

quinta-feira, novembro 06, 2008

Os ouvidos

9/10/2008 - Consulta de otorrino
Os ouvidos do João estão uma miséria, vamos fazer uma última tentativa antes de partir para a cirurgia. Dois meses de tratamento intensivo e voltamos lá. Fiquei com a certeza que ele não está a ouvir a 100%, está a compensar, a defender-se para ouvir, ora olhando para nós, para a nossa boca, ora tirando algumas coisas pelo sentido.
16/10/2008 - Depois de andar desde o Domingo anterior a gemer durante o sono, decidi ligar para a otorrino porque achava mesmo que apesar de nem sequer se queixar nem ter febre estava a fazer outra otite (experiência de mãe) e ela disse que me recebia. naquele dia estava mesmo a ouvir mal, no carro eu tinha de me pôr de lado para ele me ver a falar e perceber o que lhe dizia aos berros. A médica detectou uma otite num ouvido e outra a formar-se no outro, possível consequência da varicela. 2 frascos de antibiótico e interrupção do tratamento aos ouvidos para dar lugar ao tratamento da varicela.
25/10/2008 - Acabou no dia 24/10 o tratamento da varicela e por isso regressamos ao tratamento inicial dos ouvidos.
1/11/2008 - Acorda constipado, com pinguito e a tossir, passamos 2 noites infernais de tosse.
Faço xarope de cenoura mas não resulta.
3/11/2008 - Ligo para o pediatra que me diz para lhe por uma pomadinha no peito de manhã e à noite e os sintomas amenizam.
6/11/2008 - De manhã acorda e diz que lhe dói o ouvido. Já liguei para a otorrino que o pôs a Brufen por 3 dias, uma vez que não tem febre.

Eu sabia que o primeiro ano na escola ia ser assim.
Acabei de falar com uma amiga pediatra que me estava a dizer que era normal, bláblá e que a escola era muito importante para o desenvolvimento dele, bláblá... Mas eu que só quero que ele não volte a ser operado, sinceramente, neste momento borrifava-me para o desenvolvimento.
Só queria que ele ficasse com os ouvidos a 100% e mais nada e assim vai ser difícil

caramba!

quarta-feira, novembro 05, 2008

terça-feira, novembro 04, 2008

Popeye - O Marinheiro e os espinafres

Lembram-se do Popeye?
Eu lembro-me tão bem...
Dele, da Olívia Palito e do bruto do Brutos que andava sempre a tentar roubar a namorada ao outro...lolol...
Pois é, aqui há tempos saiu um DVD do Popeye no Jornal Sol e não é que o João Ratão delirou completamente?
Eu confesso que fiquei um pouco confusa em relação aos meus sentimentos....
Por um lado, achei o máximo que o João gostasse dos mesmos desenhos animados que eu adorava quando era criança, por outro, achei os desenhos tão sofisticados, tão digitalizados que parece que nem era a mesma coisa, para além que o facto de ser dobrado em português o que para mim faz toda a diferença...
Desde o dia em que viu pela primeira vez o DVD, o João Ratão andava sempre a pedir-me espinafres...
Eu bem lhe dizia que a sopa que lhe dou (que é composta por todos os legumes e verduras que me aparecem à frente (excepto tomate) na altura em que a confecciono, incluindo espinafres) já os tinha, só que estavam passados mas ele continuava a insistir.

Quando faço arroz de cenoura é um drama, tenho de retirar a cenoura.
Se faço arroz de ervilhas, é um drama, tenho de retirar as ervilhas.
Se faço arroz de feijão, é um drama, tenho de retirar o feijão...
E etc., etc....

Por isso estão a ver a minha motivação para lhe dar espinafres mas fui vencida pelo cansaço e, no fim-de-semana, fiz uma bela sopa de legumes com grão de bico e resolvi adicionar os espinafres só no fim, sem os passar.
Quando viu o prato e perguntou o que era, eu disse-lhe que eram espinafres, foi o delírio mas após a primeira colherada, perguntou se estava a ficar mais forte e eu disse-lhe que sim, apalpei-lhe o braço e disse que já estava com mais músculo. Ficou todo contente mas à terceira colherada já só o via a molhar a colher na sopa e a lamber a ponta para que não viesse nenhuma folhinha... Insisti para que comesse mas não consegui.
Lá fui eu passar os espinafres e todos os dias o tenho feito e ele confirma sempre se tirei os espinafres grandes e só deixei os pequeninos, que é o mesmo que dizer, se apaguei todas as provas de que aquela sopa leva espinafres...
Haja paciência.....

segunda-feira, novembro 03, 2008

(Parêntesis)

BPN nacionalizado...

E o Banco de Portugal ?

Afinal, esclareçam-me só uma coisinha...
Para que serve mesmo o Banco de Portugal ?
Entidade fiscalizadora de quê?...

Estou preocupada, muito preocupada...

É a loucura...
Ai que vou ter tanta coisinha para contar aos meus netinhos....

Sobre o colinho

Eu dou muito, muito colinho ao meu pequenote e aos seus 15 quilos e meio...lolol...
De manhã saio de casa com ele ao colo, a carteira, a mochila dele e tudo o que mais tenha de levar... Só achei piada à abordagem ....
Sempre fui e continuarei a ser apologista do colo, do mimo... Com regras e limites, claro, mimo não significa deixá-lo fazer tudo o que lhe apetece, transformando-se num pequeno selvagem, mas abraços e beijinhos e colinho é o que há mais lá em casa.... Se sempre fui assim com todos os que amo, como é que não havia de ser com o meu tesouro mais precioso?

quarta-feira, outubro 29, 2008

Coisas de início inesperado do frio

Ontem foi de meias altas para a escola, como é normal desde que começou o Outono e durante o dia, cada vez que pensava nisso, subia-me um arrepio de frio, é que estava mesmo terrível por estes lados...
Hoje já foi de collants mas como ontem estreou as botas novas e a primeira coisa que fez quando chegou ao carro, mesmo antes de pedir as línguas de gato, foi pedir para as tirar, hoje foi de sandálias inglesas...
É certo que não são muito abertas e são altas mas sempre têm umas frinchas... No mínimo devem pensar que o João tem uma mãe maluquinha....

Gostei da abordagem de ontem... Vínhamos no carro, ele descalço depois de num semáforo vermelho lhe ter estado a massajar os pés e perguntou-me:
-Mamã, tens muitas compras para levar para cima?

lolol... queria colinho... e teve-o claro!....

Birras

O regresso à escola foi pacífico... Ontem vinha todo contente porque tinham estado a pintar um chapeu de bruxas... Adivinhei que pelo menos o laranja tinha usado, tal era o estado da bata...lolol
Os finais de tarde em casa voltaram a não ser muito pacíficos, voltaram as birras, os desafios, o meu desespero...
Ontem estive a ler na Pais & Filhos de Outubro (gentilmente cedida pela M.) um artigo que parece que foi escrito para nós os dois... Vou relê-lo tantas vezes quantas as necessárias, tentar reflectir um pouco... Mas às vezes, no auge das rebeldias e má-criações é difícil o meu auto-controlo mas sei que vou conseguir, pois sei que só assim vamos ultrapassar esta fase...
Adoro o meu João Ratão, estamos a crescer os dois e isso dói sempre um pouco...

Post destinado a uma certa menina

Zá!!!!!

Porque me abandonaste?

:(

segunda-feira, outubro 27, 2008

Nós..

Estamos de volta à rotina, finalmente (eu sei que me vou arrepender destas palavras muito rapidamente)... Juro que estava mesmo a endoidecer, já não aguentava muito mais...
O João acordou animado para o regresso à escola, passou a semana passada toda a falar dos amigos e quando eu lhe perguntava dizia que tinha saudades e que queria ir para poder ficar tristinho, olhava para mim e sorria, o malvado...
Hoje portou-se bem, na hora da despedida ficou meio tristonho mas não chorou.
Liguei para a escola à hora de almoço e estava bem, tinha estado murchito de início mas depois com a ginástica tinha animado... :)

sexta-feira, outubro 24, 2008

Pérola

-Mamã, as moscas têm mamocas?

(dilema de mãe: dúvida legítima ou gajos serão sempre gajos?)

Seguiu-se uma breve explicação sobre a diferença entre os mamíferos e os insectos, sendo que estes últimos, incluindo as moscas, não precisam de mamocas porque não bebem leitinho em pequenos...

Decididamente estamos os dois a ficar tolinhos...

quinta-feira, outubro 23, 2008

Varicela e Otites - Continuação

As borbulhas estão a secar, já está bastante melhor...
Ainda está a ouvir mal e por isso, acredito que as otites não estejam ainda totalmente sanadas... Está com tosse e por isso ontem já lhe fiz o xarope de cenoura, cebola e açúcar mascavado, só cheiro...argh... mas costuma resultar com ele e por isso...
Está farto de estar em casa (tal como eu) e passa o dia a falar dos amiguinhos da escola, diz que tem saudades da escola e que quer ir para poder ficar tristinho por ir...lolol
Na segunda-feira é que vai ser lindo, vai... Ainda por cima no Domingo mudamos para o horário de Inverno, o que quer dizer que na segunda o vou buscar de noite, a criança vai pensar que o abandonei lá...

Desfralde Nocturno - Operação Abortada

A noite de ontem foi novamente molhada, ou seja, às 3 da manhã lá andava eu a trocar-lhe o pijama e as cuequitas e a pôr-lhe uma toalhão dobrado em quatro por baixo...
Ontem de manhã lá pus os lençós a lavar de novo e à noite, mais uma vez, fiz a cama de lavado... Decididamente ainda não está pronto para o desfralde nocturno e por isso esta noite , para bem da minha sanidade mental, dormiu de fralda e hoje de manhã ela estava..... SECA...
Alguém me explica por favor?

terça-feira, outubro 21, 2008

Só para que fique registado, dada a sua enorme importância, hoje o meu filho descobriu as delícias da leitura na casa-de-banho...

Não liguem, estou fechada em casa em regime de exclusividade com um puto de 3 anos desde quinta à noite, apenas com uma ligeiríssima interrupção para ir ao Centro de Saúde...

A noite

Foi uma noite molhada, tal como eu esperava... Às 3 da manhã queria acordar...
Levei-o a fazer xixi e disse que queria acordar, eu fiz de conta que não percebi... Pediu-me leitinho e adormeceu de novo até às 8 da manhã... E acordou seco desta vez...
12 horas seguidas a dormir ! É obra para o meu pequenote...

Eu estou cheia de sono, ontem deu-me para as insónias e era 1 da manhã e ainda estava eu acordada... :(

Logo vou dormir sesta na certa...lolol... já que tenho férias forçadas há que aproveitar!!!!

segunda-feira, outubro 20, 2008

As noites

os primeiros 2 dias foram muito difíceis, especialmente por causa das noites, choramingava a noite toda sem que eu percebesse porquê, perguntava-lhe o que tinha e ele, bêbado de sono, só esperneava, não me dizia nada.
Até que depois de muito pensar cheguei à conclusão que devia ser da fralda, o calor, o xixi nas borbulhas deviam fazer-lhe imensa impressão... Na noite de Sábado para Domingo, a meio, tirei-lhe a fralda e acalmou passado algum tempo... Ontem, antes de dormirmos tentei convencê-lo a dormir sem fralda sem sucesso, disse-lhe que ia ser capaz, que à tarde já não usava fralda e não tinha acidentes mas mesmo assim não quis. A meio da noite pediu-me para tirar a fralda e acordou sequinho, sequinho, será que começou o desfralde nocturno? Tivemos uma noite 5 estrelas e como eu estava a precisar desta noite... Acordamos às 10.00, que luxo!!!!
De tarde não dormiu sesta e por isso, e para além de estar a passar uma terrível fase de rebeldia e aventura, ao final da tarde as birras e asneiras sucederam-se... Jantou a chorar dizendo que queria colo e quando eu lhe ia a pegar chorava porque queria comer... Dei-lhe os remédios todos, bem antes da hora, e às 20:00 o meu pequeno traquinas adormecia...
São 11 da noite e continua na mesma posição... Está sem fralda mas como dormiu tão cedo nem sei que faça... Não me atrevo a acordá-lo para ir ao wc mas estou um pouco apreensiva... a ver vamos...
Acabei agora de despachar trabalho, sim é verdade, como não se vai ao trabalho o trabalho vem até nós...
:S

Vou dormir porque amanhã lá para a 7 acorda e aí é que eu me vou passar completamente...Ai , ai...

A minha mãe faz anos na quarta e nem vou poder estar com ela... Ai vida....

Centro de Saúde

A consulta era às 15.15.
Chegamos às 14:50 a senhora fez a ficha e pagamos os 2,15 euros. Perguntei se estava muita gente à nossa frente e responderam-me que não. Estava a guardar a carteira e chamaram o meu nome.
Às 15:00 estávamos a entrar no carro com a baixa por assistência à família preenchida...
O sofrimento de sexta foi recompensado...lol... A minha alma está parva....
:

sexta-feira, outubro 17, 2008

Assistência à família

E agora depois de saber que tenho de estar 7 dias em casa e tendo em conta que nem sequer tenho médico de família e ninguém a quem possa deixar o João, liguei para o Centro de Saúde para saber como havia de fazer para poder meter a tal assistência à família...
Tinha de me ir inscrever nas consultas de reforço, hoje havia 5 vagas a partir das 13:00 e a senhora disse-me para no dia em que fosse tentar ir cedo, eu perguntei mais ou menos a que horas e ela disse lá para as 9 da manhã...
Lindo não?
Pensei em ir ao reforço da noite mas parece que não passam baixas...
Lindo não?
Liguei para lá tantas vezes e já estava mesmo a entrar em desespero quando a senhora do outro lado que até já reconhecia a minha voz, num acto de bondade ou talvez por já não me poder ouvir mais disse que tinha tido uma desistência na segunda às 15.15 e eu tive de aceitar... Ainda não sei como vai ser mas tenho de ir, nem que leve o João comigo, informaram-me que desde que não tenha febre não há grande problema...

Este país é lindo não?
O nosso SNS é lindo não?

Varicela

Mas...
Na quarta à noite tinha uma borbulha estranha na barriga, na quinta de manhã três... Lá fiquei eu com mais uma pulguita atrás da orelha começou a surgir na minha cabeça uma ideia: Varicela...
Quando o fui buscar à escola tinha mais borbulhinhas já na barriga, costas e cara...
A otorrino examinou-o mas disse que não podia saber se era varicela ou não e que a otite poderia ser consequência da varicela mas mandou-me a outro médico...
E assim foi, fomos jantar e fomos para outro médico, médica aliás!!!
Varicela confirmada , 7 dias sem sair de casa e um saco do tamanho daqueles de supermercado à saída da farmácia...
E assim cá estamos os dois...
De quarentena durante uma semana, ele cheio de borbulhinhas que vão aparecendo qual pipocas a rebentar na panela e com uma otite e meia...
Coitadinho do meu menino, está super medicado mas muito bem disposto, sempre a fazer traquinices, sei que é bom sinal mas antevejo uma semana muito longa...lol

No otorrino

Saimos da escola e fomos para a otorrino, pela segunda semana consecutiva...
A semana passada o diagnóstico foi muito mau e saimos de lá com um tratamento muito rigorosos para 2 meses e passado esse tempo lá voltaríamos para nova avaliação... Em caso de ausência de melhorias o meu pior medo concretizar-se-á, uma nova cirurgia mas não quero pensar nisso, apesar de saber que neste momento o meu lindo pequenote não está a ouvir a 100%...
Bem mas desde Domingo à noite que o meu filhote choramingava durante a noite e isso normalmente é o presságio de otite à espreita.. Ontem consegui que a otorrino me atendesse de novo e confirmou-se otite no ouvido direito e a caminhar para uma otite no ouvido esquerdo também, como consequência está a ouvir mal, temos de falar alto com ele...
Mas...

Da reunião de ontem com a educadora do João Ratão

Gosto dela, apesar de ser escandalosamente nova, ou será que já sou eu que estou a ficar cota?
Diz-me que o João está a 90% do que ela pensa que virá a ser quando estiver totalmente adaptado...
Come bem, dorme, adaptou-se a todas as rotinas, adora livros e fazer jogos (tenho notado mesmo este interesse crescente por jogos, coisa que antigamente não acontecia) e tem preferência sempre pelas brincadeiras em grupos pequenos, coisa que nada me surpreende, aliás era uma razão das minhas preocupações. Sempre foi assim, não gosta de muitas confusões e muitas vezes prefere brincar sózinho e isso está a ser trabalhado na escolinha, sem pressões mas com empenho, fiquei contente... No recreio solta-se completamente e é o delírio, daí estar a passar uma fase particularmente aventureira à quel não estou a achar grande piada, é um stress, parece que voltamnos aos tempos de bebé em que se estivesse muito caladinho era asneira na certa, agora está assim de novo....
Agora o meu momento de admiração total: Quando acorda, veste os calções e calça os sapatos sózinho... Uau!!! Nunca pensei, é certo que já vai fazer xixi sozinho mas daí a vestir-se.. Uau...
Saí de lá mais satisfeita e aliviada e .....

quinta-feira, outubro 16, 2008

A escola

Como vai o colégio?
De manhã não chora para ficar, já não pede para que o leve até à sala, até já vai pelo seu pé acompanhado pela S. Mas todos os dias diz que não quer ir porque quer ficar em casa comigo.
É indiferente se vai para a escola ou para a avó, o que ele quer é ficar em casa comigo.
Explico-lhe inúmeras vezes que tenho de trabalhar e que ele tem muita sorte porque pode brincar e aprender imensas coisas na escola, divertir-se à grande com a ginástica, a música, a pintura, os jogos mas sinto que não o convenço. Todos os dias faço o mesmo discurso não sei com que resultados, aparentemente nenhuns...
À tarde quando o vou buscar está animado, já tive de dizer que me vinha embora para que ele se decidisse a vir também mas ainda não sinto aquela vontade de ir para a escola e estar com os amigos que outras mamãs me falam.
Anda com mau génio, faz muitas birras, exaspera-se com grande facilidade, grita, no outro dia disse-me que eu era má, só gostava de o deixar na escola, hoje que não o deixava fazer nada... Mas o que é isto? Adolescência assim aos 3 anos e meio?
Para hoje marquei uma reunião com a educadora, preciso mesmo de perceber como é que ele está lá, como se integra no grupo porque não consigo arrancar-lhe muito... Confesso que não me sinto totalmente descansada, uma parte de mim está preocupada, será que escolhi bem a escola, será que seria assim em qualquer sítio? Será? Será?
Amanhã conto novidades....

quarta-feira, outubro 15, 2008

Curtas

-João, arruma os brinquedos.
-Está bem mamã!
-João! Continuas parado, como é que os brinquedos se arrumam assim?
-Por magia mamã!

quinta-feira, outubro 09, 2008

Progressos

Esta semana ainda não chorou nenhum dia para ficar na escolinha.
Ontem não se queria vir embora, queria ficar a brincar com os carrinhos no átrio onde tem uma pequena rampa onde eles deslizam que é uma maravilha, tive de fazer de conta que me vinha embora para ele vir também.
Hoje de manhã foi pelo pé dele para a sala, com a mochila às costas... :) (sim é verdade, ía sempre ao colo, o meu bebé..lol)

:)

A aranhinha

Tal como o mano Carlos me tinha explicado, a educação musical dada aos meninos de 3 anos passa muito por cantar canções...
Ontem reaprendeu a música das galinhas que tanto ouviu cantada pelo pai quando ainda estava dentro da minha barriga... Vinha a cantar e quando não sabia, ficava à espera que eu cantasse e depois repetia todo contente....
:)

Hoje de manhã e por culpa minha levantei-me mais tarde do que é normal por pura ronhice.
Como tal, atrasei-me e por isso não tivemos o devido tempo para cumprir os seus rituais matinais que não passam de brincadeiras mas em dia de stress pioram e muito as coisas, ou sejam, atrasam-me ainda mais...
Quando entrou no carro já estava meio tristonho e choramingando e por isso resolvi que íamos cantar... O problema é que não queria nenhuma da músicas que eu cantava queria uma sobre aranhas....
Não sei se já aqui disse mas eu DETESTO, ABOMINO aranhas e têm aparecido umas na garagem lá do prédio que me têm levado a fazer figurinhas bem tristes perante o meu filho de 3 anos, 6 meses e um dia, ao ponto de ele gozar comigo e estar sempre a dizer que vê aranhas em todo o lado para eu me fingir (ou não) de assustada...
Mas o que eu queria era que ele ficasse bem disposto e por isso resolvi adaptar a musica da cocarracha que já não pode caminhar porque vai perdendo as patinhas, coisa que não me desagradou de todo porque uma aranha sem patas é sempre menos uma aranha que potencialmente pode escalar o prédio e entrar-me em casa, certo? Mas ele não gostou que a aranha ficasse sem pernas porque aprendeu na aula de ginástica a fazer de conta que era uma aranha e por isso tive de inventar outra música, ai vida....

A aranhinha, a aranhinha
Ainda pode caminhar
Porque ela tem, porque ela tem
6 patinhas para andar (não sei se tem mais mas nem quero imaginar, ok?)

A aranhinha vai caminhando
E vai andando pra todo o lado
Ó aranhinha não metas medo
Que a minha mãe fica assustada...

Ai vida.... Que figurinhas lol

quarta-feira, outubro 08, 2008

Sou tia

sou tia.
sou tia de gémeos.
David e Gil, ainda não vos vi mas amo-vos tanto, tanto...
que a vida vos sorria e que cresçam na companhia do meu filhote como se de primos verdadeiros se tratassem pois é assim que vos amo e vos terei para sempre!

8/10/2008

(3 anos e seis meses depois de ser mãe, mana Andreia, dás-me a felicidade de ser tia dos teus meninos).

terça-feira, outubro 07, 2008

Progressos

Ontem o final de tarde foi desgraçado... Saí do trabalho às 7 da tarde, completamente stressada por pensar que o João estava na escola há cerca de 10 horas.
Com as pressas esqueci-me de lhe levar o iogurte que costuma beber no carro, ainda à porta da escola.
Fá-lo todos os dias mesmo que tenha acabado de comer lá dentro e ainda venha lambuzado... No outro dia falei com a educadora por ele estar sempre esfomeado quando sai da escola e ela disse-me que por exemplo, naquele dia, tinha acabado de comer um iogurte e fruta..lolol... adiante...
Vinha todo animado com a ginástica, apesar de me ter dito que tinham corrido e andado e nada mais ter acrescentado mas quando percebeu que não havia iogurte fartou-se de chorar, que drama...
Foi chegar a casa, tomar banho a correr, comer e ir deitar... Ufa, detesto dias assim e infelizmente estão a tornar-se cada vez mais frequentes... Bolas, bolas...
No entanto e ao contrário do que eu pensava, hoje voltou a ficar na escola pacificamente, sem choros nem dramas... Será? Será que é desta?
Iupiiii....

PS – Chove a cântaros caramba que diluvio!!!!

segunda-feira, outubro 06, 2008

Ginástica

hoje foi o primeiro dia de escola com ginástica....
estreou o fato de treino novo, levou as sapatilhas do Spider Man... Não houve choros nem amuos, apenas perguntas sobre se seria um professor ou uma professora, se seria na salinha deles ou no refeitório...
estou feliz.... vou propor ginástica todos os dias....

Inserido no Projecto deste ano para a salinha dos 3 anos que tem a ver com a alimentação, hoje era dia de cada menino levar uma receita...
Expliquei-lhe que naquele papel que a mamã tinha escrito ia lá uma receita de um bolo de chocolate que um dia iria fazer com os amigos, acho que não percebeu que não era hoje que iam fazer o bolo... mas estava todo animado e quem sou eu para lhe cortar os sonhos? (lolol)

Ginástica e cozinhar no mesmo dia? É muito bom e por isso hoje a despedida foi muito pacífica... :)

sexta-feira, outubro 03, 2008

surpresaaaa

como a avó anda com saudades do neto e o neto da avó e hoje é sexta-feira, resolvi fugir à rotina e fazer uma surpresa ao João....
Durante os meus 60 minutos de almoço fui buscar o puto à escola e deixá-lo em casa da avó para matarem saudades e coisa e tal e até pedi à avó para me arranjar umas sandochas porque o tempo não estica..
Entreguei-o à avó que o recebeu de braços abertos , toda contente e eis que ele começa a chorar porque eu não ia lá ficar com ele e ficou a chorar quando me vim embora...
Conclusão:
o problema não é o ficar na escola, o problema é eu não ficar com ele....
e esta hein?
:S

Uma palavra apenas: Boçalidade

"O Papa voltou, esta sexta-feira, a condenar todos os métodos contraceptivos. Bento XVI diz que os casais que os usam estão a «negar a verdade do amor conjugal».
O Vaticano condena a utilização de qualquer método para o controlo da natalidade. A posição é expressa num texto, assinado pelo Papa, hoje distribuído pelo serviço de imprensa da Santa Sé.
A única excepção admitida é a abstinência, mas mesmo neste caso a Igreja Católica advoga que apenas deve ser um recurso para casais que atravessem dificuldades graves. "

quinta-feira, outubro 02, 2008

na farmácia

parece que a vacina contra a gripe foi posta à venda...
hoje de manhã acordei com uma crise de alergia e por isso tive de dar um salto à farmácia para comprar as pastilhinhas milagrosas....
à minha frente estavam um senhor de idade e um casal de idade...
os três queriam a vacina da gripe, compraram-na e foram avisados que a pessoa que dava as picas ainda não tinha chegado... mas nem assim deixaram de se começar logo a preparar... um deles arregaçou logo a manga e o outro, mais radical, sacou a camisola do lado do braço a picar e lá ficaram os dois à espera.... a senhora foi mais comedida não sei se por pudor ou por maior inteligência...

Pergunta

-Mamã, hoje é O dia da semana?
-O quê João? O dia da semana?
-Sim, mamã, hoje é o dia da semana?
Fiquei a pensar naquilo sem compreender o que queria e de repente ocorreu-me:
-O último dia da semana filho?
-Sim mamã, o último dia da semana....
lolol

está quase, quase e realmente, pode considerar-se, para todos os felizardos que não trabalham ao fim-de-semana que sexta é O DIA DA SEMANA!!!!! Hehehe!!!

Sabedoria infantil!

segunda-feira, setembro 29, 2008

Sábado de manhã

era uma vez um aro de soutien que por nunca ser lavado à mão, como mandam as regras, resolveu vingar-se e partir numa interessante viagem pela máquina de lavar-roupa dentro...

o marido disse-me às 7.30 da manhã que parecia que o prédio vinha abaixo com o barulho da máquina ( que deixo a trabalhar de noite por causa da tarifa bi-horária) e que por isso a tinha desligado porque devia estar avariada...
eu não me levantei logo e ainda voltei a adormecer mas juro que até sonhei que tinha comprado um tanque...
quando me levantei com um humor de cão, a pensar no monte que tinha para lavar ainda e a liguei, até tremi por pensar que ia ficar sem a minha melhor amiga.
Quando tirei a roupa da máquina percebi qual devia ser o problema e tive a sorte de ter um conhecido de uma amiga que me foi lá a casa ao final da manhã, pescou o gajo, 15 euros e pronto, está lá para as curvas...
que grande susto....

quinta-feira, setembro 25, 2008

o meu João Ratão anda mais animado com a escola, hoje saiu de casa animado e com um jogo debaixo do braço para fazer lá com a F., ou melhor sozinho porque disse logo que não precisava de ajuda...
Só chorou na hora da separação, de resto foi o caminho todo a conversar comigo e muito bem disposto...

Ontem uma amiguinha da escola fez anos e por isso ao lanche houve festa, ou seja, o que poderá ser melhor na vida de um puto de 3 anos do que bolo de chocolate com pintarolas, ter direito a comer a pintarola laranja e no final ainda receber de presente um espectacular apito que o transformou em Senhor Lei e lhe permitiu andar a comandar o trânsito dos carrinho de compras do Continente enquanto fazíamos compras? As pessoas olhavam para nós meio de lado mas eu não estava nem aí...lolol

:)

terça-feira, setembro 23, 2008

Depois de ontem à noite ter chegado a um ponto de desespero em relação às birras e chantagenzinhas do meu pequenote de 3 anos que só pode estar a entrar numa adolescência precoce, lá me sentei a ler o meu grande amigo desde há coisa de 3 anos e picos que é o Sr. Doutor T.Berry Brazelton e o seu Grande Livro da Criança que em muitas coisas me tem ajudado...
Certo é que às vezes parece que ele vive num Mundo à parte e até parece mentira que tem filhos (será que cumpriu todas as suas teorias com os seus filhos? ) mas o Senhor tem-me ajudado em muitos momentos ...
Ontem li vários capítulos e resolvi mudar a minha atitude, percebi que as crianças fazem muita chantagem emocional, nos testam até ao limite e nós muitas vezes deixamo-nos enrolar e quando damos conta também nós os estamos a chantagear, a dizer por exemplo que se se portarem bem ganham um chupa no fim das compras, glup...
Assim, inteligentes como são, os nossos lindos rebentos aprendem connosco este jogo e tornam-se profissionais... realmente revejo-me nisto, bem sei que é fácil falar, a ver vamos se consigo passar à prática, acho que o cansaço que sinto nos últimos tempos me tornou numa mãe muitas vezes dada à chantagenzinha...
Assim, vou tentar, um dia de cada vez, melhorar, corrigir os meus erros, pelo menos alguns, ok?

Hoje resolvi acordar de manhã e ser dona de um bom humor contagiante, levar as birras para a brincadeira, fingir que o meu filho está tão grande que nem posso com ele, caímos os dois para cima da cama de cada vez que pego nele e só depois de muitas tentativas o consigo levar ao colo para a casa-de-banho e com muito esforço.... A verdade é que ele se riu às gargalhadas logo pela manhã, saiu de casa com um sorriso , não choramingou no caminho e ficou na sala só a esboçar uma choraminguice, não chegou a vias de facto... Grande evolução, hein?

Será que descobri a pólvora? Ou é fogo de vista?

Logo à noite há reunião de pais na escola, das 21.30 às 23.00 o que quer dizer que o petiz vai ficar em casa com a tia Né, a ver vamos como corre...lolol

segunda-feira, setembro 22, 2008

Curtas

Frase ouvida mais que uma vez no fim-de-semana:

"Gosto de ti mas és má!"

Dita com verdadeiro sentimento após cada ralhete ....

quinta-feira, setembro 18, 2008

afinal ontem foi uma excepção e não uma melhoria...
à tarde, rojos de birras...
hoje de manhã choro desde casa.
ficou a chorar...novamente...
e é assim... esta fase não passa e eu começo mesmo a pensar se será uma fase...

A pouco e pouco vamos melhorando

Ontem o final de tarde foi pacífico... Recebeu-me com um forte abraço e uma flor que tinha apanhado para mim... Quando já estávamos para ir embora ainda quis ir ajudar um coleguinha a ir buscar a mochila, fiquei toda contente... Sei que me vou arrepender de dizer isto mas anseio pelo dia em que me diga qualquer coisa do género como” Mãe, só mais um bocadinho” porque aí saberei que a sua integração está completa...
O caminho para casa foi pacífico enquanto comia as línguas-de-gato e no final até as migalhinhas foram aproveitadas(estou tramada)...
Hoje de manhã perguntou se tinha posto o ursinho Rex na mochila e se tinha as línguas de gato para a tarde...lolol...
Quando chegamos a casa foi tudo muito pacífico, voltou a querer tomar o seu banho de espuma relaxante como eu lhe chamo, jantamos às 19.30 e sem birras... teve tempo para brincar e ver os desenhos animados enquanto eu fazia uma maratona de meia-hora a passar a ferro... Ufa, o que me custou despachar as coisas que tinha para passar naquela meia-hora mas foi o que lhe prometi e não queria falhar... Quando os bonecos acabaram às 20.30, arrumei tudo e sentamo-nos na sala, no sofá a fazer o nosso miminho do dia.... Estava mais calmo e eu fiquei muito mais animada, ainda que estivesse sempre com receio de alguma reacção mais tempestiva...
A única coisa que correu mal foi o não querer falar com o pai pelo telefone, acho que sente muito a falta dele e depois tenta castigá-lo com estas coisinhas mas a vida é assim e o papá tem que trabalhar... Espero que esta fase também passe...
Hoje de manhã, apesar de estar meio mariquinhas e de termos posto dentro da mochila imensos brinquedos que sei que não vai querer mostrar aos colegas, não houve choros em casa e até comeu um danoninho gigante e meio pão...
Só chorou na despedida mas acho que melhoramos bastante...
Vamos ver como corre logo à tarde... Um passinho de cada vez... J

quarta-feira, setembro 17, 2008

Nem tudo é mau

Nem tudo é mau, noto-o mais independente....

Vai à casa-de-banho sozinho, levanta a tábua, desce as calças e as cuecas e faz o seu xixi, sozinho!

Está baralhado porque em casa limpo-lhe a pilinha com papel higiénico no final e na escola não...lolol... mãe maricas já sei mas faz-me confusão não o fazer... ai se o padrinho lê isto (o pai já está conformado)....lolol

Que fazem vocês mamãs?
Continua a chorar desde que se veste até chegarmos à escola... Já estamos a melhorar porque no início era desde que acordava e agora até tem momentos de pausa mas continuo a deixá-lo a chorar nos braços da P.
Quando o vou buscar está contente, noto-lhe um à-vontade que me reconforta e acalma, conheço-o e sei que se não estivesse a gostar de lá estar nunca se comportaria dessa forma, até já vai buscar a mochila sozinho.
Mal chegamos ao carro quer logo tirar a bata e comer línguas de gato, acho que está a ficar viciado mas come com tanto deleite que não consigo tirar-lhe aquele momento de prazer gastronómico...
Quando chegamos a casa começam as birras, não pode ser contrariado em nada porque chora e grita, sinto-o frustrado... Já tentei os mimos, o tentar chamá-lo à razão mas intercala entre os momentos em que penso que se acalmou e os de berraria que me estão a deixar desconcertada, insegura ... Sei que é a maneira de manifestar as suas emoções mas juro que começo a ter dúvidas se estarei a lidar com a situação da melhor maneira... Que faço? Será mesmo só uma fase?
Ajuda, por favor.... Mãe à beira de um ataque de nervos e com muita tendência para a choradeira incontrolável.....

terça-feira, setembro 16, 2008

Curtas

ontem num teste para uma formação o sr. formador apresenta-se da seguinte maneira:

- Olá, o meu nome é fulaninho e podem tratar-me por fulaninho ou por tu...

(não me sinto nada confiante em ser formada por este formador...)

notícias

continua a ficar na escolinha a chorar mas durante o dia quando telefono dizem-me que está super bem e à tarde quando o vou buscar vejo que está bem-disposto e cada vez mais à vontade... penso que será apenas uma questão de tempo e mimo, eu sei que as mamãs são sempre mais mimalhentas (pelo menos eu sou), eles apanham-nos o fraco e depois é isto...enfim...

o fim-de-semana voou, no Sábado o João foi ver os aviões com o papá e até vinha corado de tanta excitação...lolol... gajos...
no Domingo entre resmas de roupa para passar a ferro e mimos para dar não fiz mais nada.... porque é que o fim-de-semana só tem 48 horas?

sexta-feira, setembro 12, 2008

mais do mesmo

Depois de o final da tarde de anteontem ter sido verdadeiramente para esquecer, ontem quando cheguei ao colégio o João ratão estava muito bem disposto, correu para mim com um sorriso de orelha a orelha, sem a choraminguice habitual.
Disse-lhe que íamos para casa fazer o jantar porque os padrinhos M&M e a primocas M. iam lá jantar! Ficou todo animado e passou o tempo todo a perguntar se eles já iam chegar.
O banho correu pacificamente e até arrumou os brinquedos (pelo menos a maior parte) para poder receber os convidados convenientemente!
A noite correu bem, com alguns arrufos entre os pequenotes como é normal e o João Ratão ganhou uma espada e um escudo em esponja meia dura... não sei explicar muito bem mas é giríssimo e ele adorou, dormimos com a espada e hoje veio na mala do carro para logo à tarde brincar em casa da avó, assim como o fato do Spider Man.
Hoje de manhã foi o drama do costume, tenho de ficar completamente pronta para só depois o começar a vestir porque aí começa o choro, desde casa até à escola.
E no colégio ficou a chorar, desta vez agarrou-se ao meu pescoço com todas as forças que tinha, tive mesmo de fazer força para o soltar.
Vamos ver como está quando eu ligar à hora de almoço, bolas, fico com o coração tão apertadinho mas o facto de à tarde o encontrar animado faz-me pensar que estamos no bom caminho...
:S

quarta-feira, setembro 10, 2008

Fase ou não?

Desde que começou a ir para a escola sofreu algumas mudanças que não sei se serão passageiras ou vieram mesmo para ficar.
Para além do mimo e da saudade que vejo que sente, está mais agressivo, mais respondão, mais insubordinado. Sinto-o constantemente a desafiar-me, faz birras, finge que chora e apanho-o a olhar de lado para mim para ver se estou a ver. Fala mais alto, grita mesmo, se me vê a falar ao telemóvel vem logo para o pé de mim falar alto. Passo a vida a dizer para falar mais baixo, é desesperante...
Chamo-lhe a atenção, às vezes grito, coisa que sei que não devia fazer e que tento controlar ao máximo mas à vezes é mais forte do que eu, dou-lhe castigos...
A sensação que tenho é que lhe dou castigos atrás de castigos e sinto-me mesmo mal por passar o pouco tempo que tenho com ele a dar ralhetes e castigos mas sei que não posso ceder pois em alguns dos seus actos tenho visto uma certa maldade...
Desde que foi para a escola temos de jantar mais cedo pois às 9.00 da noite já está a cair para o lado de sono, para quem chega a casa na melhor das hipóteses às 6.30 da tarde, não sei se estão a ver o tempo que passamos os dois, se subtrairmos o tempo que passo a fazer o jantar, bem, nem quero pensar nisso...
Ontem estávamos a prepararmo-nos para irmos para a cama, tomou o antibiótico, já tinha feito o xixi e lavado os dentes , já estava o biberão de leite a postos e estava a pôr-lhe a fralda para dormir. De repente pediu-me qualquer coisa (nem me lembro o quê) que lhe neguei e não é que me deu um pontapé ?
Eu fiquei pasma a olhar para ele, disse que nem acreditava que ele tinha sido tão mau comigo e de castigo não lhe li história antes de adormecer... Ainda pediu desculpa, disse que não voltava a fazer, pois apercebeu-se muito bem do que tinha feito mas ficou mesmo sem história. Adormeceu quase instantaneamente e eu para ali fiquei completamente frustrada pelo dia , pelas poucas horas que tivemos terem sido passadas entre ralhetes e castigos e terem terminado daquela maneira.
Bolas...

terça-feira, setembro 09, 2008

Depois de 3 dias em casa e de mais um dia (ontem) em casa da avó, hoje o prédio quase que vinha abaixo com tanta gritaria ... Não queria ir para a escola, queria ir para a vovó D...
E assim vamos nós, a mamã está à beira de um ataque de nervos com flutuações de humor e de ânimo muito grandes... Sinto-me no limite das minhas forças mas há que continuar de cara alegre, a ser eficiente no trabalho, super-mãe e super dona-de-casa e super-controlada e super-sei-lá-o-quê...

sexta-feira, setembro 05, 2008

Caramba....

depois da birra matinal de ontem parece que o dia lhe correu bem, segundo a F. foi o seu melhor dia só que... Mal chegou ao pé de mim disse logo que lhe doía a orelha, achei-o fora da sua temperatura normal...
Liguei à tia A. e vai estar a Brufen de 8 em 8 horas durante 2 dias a ver como reage, está bem disposto mas quentito e não se lhe pode tocar naquele ouvido, dormiu a noite toda virado para o outro lado...
Bem sei que o facto de ir para a escola iria trazer mais doenças mas logo ao fim de 1 semana?
Bolas, Bolas!!!!

quinta-feira, setembro 04, 2008

se calhar estou a ficar tolinha mas hoje enquanto estava na bomba de gasolina à espera para pagar não conseguia parar de olhar à volta ver se via alguém com ar suspeito... quando finalmente paguei e me vim embora , meti-me no carro, tranquei a porta e quando arranquei suspirei de alívio....
desde que anda na escola fomos despromovidos a pai e mãe... ( e aquele mamã dito por ele soava-me sempre tão bem...)
isto está a ser mesmo traumatizante....lol
Hoje chorou porque não queria os calções, chorou porque não queria a bata, chorou porque não queria ir para a escola, chorou todo o caminho.
Pediu-me para não ficar, para irmos para casa.
Mais uma vez o entreguei nos braços da P. com as lágrimas a cairem-lhe pela cara abaixo, confesso que quando bati a porta também a mim me cairam algumas lágrimas...
Que dificil está a ser!
Lá fora chove que é para a neura ser ainda maior!!!!

quarta-feira, setembro 03, 2008

Ainda a escola...

A adaptação à escola está a ser difícil...
Mal acorda pergunta se vamos para a escola e começa logo a dizer que não quer ir... Depois não que vestir a roupa do colégio, não quer levar a mochila e quer ir ao colo.
Durante o caminho vai sempre a dizer que não quer ir e quando nos começamos a aproximar finge que está a dormir, talvez com esperança que assim se safe...
Entrego-o e fica de lágrima a cair, em silêncio, nunca foi de fazer gritarias à frente de estranhos... Eu faço-me de forte, sorrio para ele e digo-lhe que hoje o dia vai ser muito divertido com muitas brincadeiras que ele vai adorar!!!

Durante o dia fica bem, dizem que às vezes se lembra e fica mais triste mas o balanço é positivo, come bem, dorme e entra nas brincadeiras.
A partir das 4, quando os outros meninos começam a sair volta a ficar triste e ansioso com a minha chegada que nunca é ante das 17.50...

Eu ando para aqui, o dia todo a pensar nele, sinto-me triste e abatida e a partir das 4 da tarde, também começo a entrar em stress e só me apetece pegar nas coisas e voar em direcção ao meu amor...
Sei que ele se vai adaptar, já sabia que ia ser assim mas dói tanto, tanto...
Não choro.
Chorei no primeiro dia em que o deixei a chorar, na quinta-feira passada, chorei de forma incontrolável quando já não estava com ele, chorei até não ter mais nada para chorar, até ter os olhos inchados e uma dores de cabeça insuportáveis, lavei a alma, repus forças, sei que estou a dar-lhe o melhor que posso .
Sei que isto não mata mas que mói, mói...

terça-feira, setembro 02, 2008

O primeiro dia...

Uma semana... faz hoje exactamente uma semana que o meu bebé, cada vez mais rapazinho, começou a ir para a escola.
Ia feliz, entusiasmado, com a mochila do Spiderman oferecida pelos padrinhos às costas. A mamã, previdente e preocupada, tinha lá metido entre outras coisas necessárias a fraldinha e o ursinho Rex com cheirinho de mamã para que em caso de necessidade o conforto fosse um pouco maior.
Entrou a medo, como faz em tudo o que é novidade na sua vida, entusiasma-se mas na hora da verdade a timidez leva sempre a melhor e, em podendo, refugia-se no meu colo, escondendo a cara na esperança que a ameaça desapareça...
Entrei com ele e sentei-me numa das cadeiras feitas à sua medida... Ele sempre ao meu lado, a observar. A F. a dizer para ele ir brincar e ele, a medo, lá se foi afastando cada vez mais intrigado pela garagem gigante com que os outros meninos já brincavam entusiasmados. Ia e vinha, como que a certificar-se que era seguro ir e ganhando forças em cada regresso.
Passados uns minutos foram todos lá para fora brincar, andar no escorrega e nas outras brincadeiras... Despedi-me dele ao longe, disse que daí a um bocado ia buscá-lo e vim. Vim de coração apertado, feliz e angustiada ao mesmo tempo, com medo do que ele estaria a pensar de mim, será que pensaria que eu o estava a abandonar, será que nem se ia lembrar de mim?
Custava-me respirar, custava-me pensar no que faria enquanto ele lá estivesse... Ligavam-me a perguntar como tinha corrido e eu dizia que bem, surpreendida pela positiva, incrédula que aquilo estivesse mesmo a acontecer...
Não consegui sair das imediações, tinha medo que o telemóvel, que todo o dia mantive nas mãos com medo de não o ouvir, tocasse. Queria que se fosse necessário ir buscá-lo conseguisse fazê-lo no menor tempo possível. Passada uma hora, ligou-me a directora dizendo que ele já tinha almoçado e agora ia descansar. Fiquei contente, mais descansada.
Eu nem conseguia comer, a minha ansiedade era tanta que as pessoas ligavam-me e eu nem dizia coisa com coisa e despachava-as com medo de estar a ocupar o telefone...
Às 15.00 fui buscá-lo e vinha contente, acho que só voltei a respirar normalmente quando o tive nos braços e só depois comecei a sentir o peso de todo o stress que tinha vivido como se tivesse sido atropelada vezes sem conta por algo muito pesado.
O primeiro dia.
O primeiro dia na escola.
O primeiro dia na escola, como é que isto aconteceu assim tão rápido? Ainda ontem andava com ele sentado no meu braço a passear pela casa e vibrava com o seu primeiro sorriso, o seu primeiro som, a sua primeira gracinha... e agora... Já passou uma semana de escola e três anos.
Três anos, quatro meses e dezassete dias tinha o meu João Ratão no seu primeiro dia de escola...

terça-feira, julho 29, 2008

começar mal o dia, mesmo mal é...

sair de casa sem dar um bom dia ao meu João Ratão...
o beijo que lhe dei na testa não perturbou o seu soninho descansado e eu sinto-me tão vazia por não ver o seu sorriso ao acordar...

terça-feira, julho 22, 2008

é bonito e por isso vale a pena ler... :)

"O VASO CHINÊS"
Uma velha senhora chinesa possuía dois grandes vasos, cada um suspenso naextremidade de uma vara que ela carregava nas costas.
Um dos vasos era rachado e o outro era perfeito. Este último chegava semprecheio de água ao fim da longa caminhada do rio até casa, enquanto o rachadochegava meio vazio.
Durante muito tempo foi assim, com a senhora chegando a casa somente com umvaso e meio de água.
Naturalmente, o vaso perfeito era muito orgulhoso do próprio resultadoenquanto o pobre vaso rachado tinha vergonha do seu defeito, de conseguirfazer só metade daquilo que deveria.
Depois de dois anos, reflectindo sobre a própria amarga derrota de ser'rachado', o vaso falou com a senhora durante o caminho:
'Tenho vergonha demim mesmo, porque esta fenda que eu tenho faz-me perder metade da águadurante o caminho até a sua casa...'
A velhinha sorriu:
Reparaste que lindas flores há somente do teu lado do caminho? Eu sempresoube do teu defeito e portanto plantei sementes de flores na beira daestrada do teu lado. E todos os dias, enquanto voltavamos, tu regáva-las.
Durante dois anos pude recolher aquelas belíssimas flores para enfeitar amesa. S
e tu não fosses como és, eu não teria tido aquelas maravilhas naminha casa.Cada um de nós tem o seu próprio defeito.
Mas é o defeito que cada um de nós tem, que faz com que nossa convivência seja interessante e gratificante.
É preciso aceitar cada um pelo que é... E descobrir o que há de bom nele.

'Portanto, meu 'defeituoso' amigo/a, tem um bom dia e lembra-te de ir regandoas flores do teu lado do caminho... Agradeço-te por todas as flores que jáme deste a colher com isso!!

sexta-feira, julho 18, 2008

E eu...

e eu?
no meio disto tudo, foi um serão diferente!
Sozinha, em silêncio, sem pedidos para que arrume os brinquedos, sem avisos que está na hora de dormir, sem ralhetes por atirar com as almofadas pelo ar e só querer dar saltos na cama para depois se atirar para cima dela entre gargalhadas...
O silêncio, o tempo para fazer o que me apetecesse e eu sem saber como é que isso se faz, já não me lembro...
Tempo para estar sentada no sofá, com a sala toda arrumada, o som da televisão em fundo, um copo de vinho para relaxar do dia tão cheio de correrias e de trabalho... O silêncio...
Ainda peguei nas agulhas e "artesanei" um pouco, sem interrupções, com todo o tempo do Mundo, de vez em quando parava porque parecia que algo não estava bem...
Estranho... Tão estranho que doeu!

Ontem ...

todos os dias me queixo do facto do João Ratão não ser de muito dormir!
Pois ontem, por ter dormido dez minutinhos no carro, antes da hora de almoço e histérico com a tv nova que a vov
o D. e o tatá compraram (mais pela parte da caixa e esferovite, etc) não dormiu durante a tarde...
quando cheguei à minha mãe estava completamente cheio de sono, ou seja, a fazer birras pelas coisinhas mais parvas que se possam imaginar!
durante o caminho para casa não queria que dormisse porque senão recuperava por mais umas largas horas e à hora de deitar ia estar tramada... por isso, para o entreter, durante toda a viagem de cerca de 20 m fomos uma princesa com voz de falsete (no final até já me doía a garganta de falar assim) e um Sandokan herói, que responde com uma voz mais grossa do que é normal e com uma cara séria, desesperadamente a tentar esconder um sorriso de alegria pela brincadeira de faz-de-conta com a mãe... combinamos montar nos nossos cavalos e ir procurar os maus...
quando chegamos a casa, voltaram as birras e por isso, requisitei o meu novo ajudante de cozinha! Eu piquei a cebola e ele retirou uma colher de chá de massa de alho do frasquinho! Fechou-o e depois, ajudou-me a por o azeite no tacho... Enquanto o refogado começava, parti o tomate e foi ele que o deitou no copo da trituradora, pegando cada bocadinho com as suas mãozinhas , espantado com a textura do tomate que estava gelado do frigorífico! Depois foi triturá-lo, carregar no copo e sentir aquele tremelicar que o fazia rir descontroladamente... No final ainda deitou os coentros para o tacho e lá fomos tomar banho...
Um banho de espuma e com braçadeiras para nadar na banheira olímpica...
O jantar correu bem, estava com fome e sei que o facto de ter participado na sua feitura faz toda a diferença... Acabamos de jantar à 8.50 e já pedia para ir para a cama... e assim o fez...
Deitei-o e dei-lhe o seu biberão de leite (imprescindível no adormecer)! Beijei-o e disse que voltava para ver se estava tudo bem!
Às 9.10 já dormia o meu pequeno Rei!!! Tão sereno e visivelmente esgotado de um dia tão preenchido...

quarta-feira, julho 16, 2008

Desafio

Não sou nada dada a desafios e correntes de amizade e prémios e desde já peço desculpa por todos os prémios recebidos e não agradecidos e por todas as correntes que quebrei...lolol
Mas como esta minha amiga querida me pediu com muito jeitinho (lol) aqui vai:

1. O que estava a fazer há 10 anos atrás?

A trabalhar ou a estudar para os exames, provavelmente de férias para estudar... :S

2. Quais são as coisas que tens na sua lista para fazer hoje ? (relatar pelo menos cinco coisas)

Ir buscar o João, fazer o jantar, dar-lhe banho, brincar com ele e tentar fazê-lo dormir a horas decentes... (recuso-me a falar de trabalho, ainda morriam de tédio!)

3. Snacks /petiscos que gostas

Queijo
Pipocas salgadas
Tremoços
Salada de polvo
Chouriço assado

4. Coisas que eu gostaria de fazer se fosse bilionária:

MUDAR DE VIDA

5.Lugares que já morei:

Sempre por estes lados do Norte!


Não passo a ninguém por razões óbvias!

Olá!

























Eu sou a Lipi, a mascote da APFP - Associação Portuguesa dos Amigos das Crianças Portadoras de Fendas Lábio-Palatinas.

- Fendas lábio-palatinas e fendas labiais são mais frequentes no sexo masculino e que fendas palatinas isoladas são mais frequentes no feminino?

- Sabiam que em cada dois minutos nasce, no Mundo, uma criança com fenda labial, palatina ou lábio-palatina (FLP)?



Estas informações foram retiradas daqui!!!

Não deixem de espreitar!!!!

:)

quarta-feira, julho 09, 2008

Ainda a respeito do castigo dos banhos sem espuma que durou de segunda até ontem exclusivé (lolol), perguntou-me ele na segunda-feira se ia tomar banho de espuma, ao que lhe respondi que não, porque estava de castigo, pois tinha feito uma asneira, blá, blá, blá... responde-me com um ar muito decepcionado:
- Oh! Vou tomar banho de água?

segunda-feira, julho 07, 2008

asneirinhas de fim-de-semana

Tenho uma colega que sempre que me pergunta pelo João quer saber se ele tem feito muitas asneiras .
Como ele é um menino bastante fácil, respondo normalmente que não, deixando-a sempre muito decepcionada...lol

Pois deste fim-de-semana há 2 pequenas historinhas para contar:

A primeira passou-se no Sábado... Fomos visitar a Quinta de S. Inácio (pode ser que dê outro post mas da maneira que isto anda, duvido muito!) e no final, dei-lhe um mini-milk. Sentei-o numas escadinhas a comer o dito e virei as costas para deitar o papel ao lixo. Quando me virei de novo para ele, tinha pousado o gelado no chão para coçar o olho.... ainda abri a boca para refilar com ele, passou-me pela cabeça não lhe dar outro gelado e vir-me embora mas tive pena dele... expliquei-lhe que não se podia pousar a comida no chão porque depois não se podia comer e lá fomos gastar mais 50 cêntimos...só me pergunto o que seria se eu tivesse demorado mais um bocadinho e ele acabasse de coçar o olho entretanto... morrer não morria de certeza, não é mesmo?

A segunda, passou-se no banho de Domingo. Como anda viciado nos banhos de espuma, preparo-lhe a banhoca e vou andando entre o meu quarto e a casa de banho para não estar ali a secar as horas que ele está de molho. Apanhei-o com o frasco do gel de banho na mão e disse-lhe para não mexer e ele pousou-o. Saí e quando voltei estava de novo com ele. Para não me chatear resolvi pegar nele e pô-lo longe do seu alcance só que, mal o levantei percebi que estava VAZIO!!! Vazio, um frasco de meio litro de gel de banho que tinha sido posto a uso no início da semana... a água até estava azul, acho que ele deve ter pensado que a espuma que tinha não era suficiente ...
Claro que me passei completamente e disse-lhe que de castigo, nos próximos tempos iam-se acabar os banhos de espuma.

Durante o jantar ainda teve a lata de me perguntar se ainda estava zangada com ele ou se já me tinha passado a telha...

Ai, ai...

Pediatra

Não tenho andado com grande vontade de escrever e quando assim é, não forço nada, uma vez que este blog foi criado para me dar prazer e não para ma atormentar como sendo mais uma obrigação a cumprir (já tenho tantas)...
O João está a passar uma fase muito engraçada, em que cada vez mais me surpreende pelas suas tiradas inesperadas, às vezes nem acredito que ele já entende tão bem certas coisas...
Temos passado muito tempo a dois e talvez por isso a nossa cumplicidade cresceu ainda mais...
A semana passada fomos ao pediatra e ele está muito bem! Mede um metro e pesa 16 kgs, o pediatra receitou-lhe já um reforço para as suas defesas que vai começar a tomar em Setembro, Outubro e Novembro nos primeiros dez dias de cada mês... o ouvido continua com mau aspecto, nem quero pensar que a otite serosa se confirmará quando voltarmos à otorrino em Setembro...
O João portou-se mais ou menos, apesar de já estar mais crescido o medo que tem do pediatra mantém-se... no caminho, começou logo a perguntar se íamos ao médico de bigode e quando eu confirmei foi o caminho todo a dizer, o bigode não, o bigode não... (secretamente até desejei que o médico o tivesse cortado, facto que não se veio a verificar) prometi-lhe, garanti-lhe que ia estar sempre com ele, que o médico era amigo, que não lhe fazia mal, etc, etc mas quando chegou a hora da verdade agarrou-se a mim com toda a força e disse ao médico que não queria picas...lol... ele garantiu-lhe que não ia haver picas, pediu para que confiasse nele mas o João manteve-se na dele, ao ponto de, no final, recusar o balão que o Professor lhe ofereceu com um simpático mas firme: eu não preciso do balão....
Quando saímos do consultório acabou o drama e até queria ficar lá a brincar... enfim...

quarta-feira, julho 02, 2008

1º Congresso Ibérico - Fendas Lábio-palatinas

vale a pena ir visitando este blog!
A data ainda é longínqua mas tenho a certeza que nos deixará a todos, especialmente pais, muito mais informados e orgulhosos dos bons profissionais com que podemos contar!

sexta-feira, junho 27, 2008

Como fazer o meu filho feliz

Como levar o João Ratão ao êxtase?



Preparar-lhe um banho de espuma e deixá-lo de molho até estar todo encarquilhadinho...





Para o fazer sair tive de lhe mostrar o estado em que tinha as mãos e com isso convenci-o logo! É que um dos maiores medos do meu filho é que as mãos não voltem ao normal... já depois de o vestir e de estar a brincar ia olhando para as ditas para ver se o que lhe disse era mesmo verdade, ou seja, que ia ficar bom se saísse do banho....



loool

quarta-feira, junho 25, 2008

Domingo

andava a pensar nisto há que tempos e finalmente no Sábado à noite decidi-me:
Domingo de manhã fomos à Casa de Serralves... Já lá não ia desde o 12.º ano ( a mim parece-me que foi ontem mas feitas as contas já passaram 14 anos!!! say what???!!!???) e por isso a única recordação que tinha era da Casa de Chá onde se comia um bolo de chocolate maravilhoso e memorável pelos vistos...
Gostei bastante, visitamos a Quinta onde há vacas, galinhas, patos, um perú, um cavalo e ovelhas... parece que também há um burro mas não o conseguimos ver... as vaquinhas estavam fechadas no estábulo porque no campo onde costumam andar a pastar estava a haver uma demonstração de pequenas viagens em Balão de Ar Quente (não pelo andar no ar mas pela forma como é feita a aterragem, nunca na vida me hão-de apanhar...lolol)...
O João adorou tudo, foi uma verdadeira aventura! Nunca quis ir pelos caminho traçado, ia sempre pelas bermas e nunca queria ir para o mesmo sítio que eu... Dizia que estava na selva a ter uma aventura e havia locais onde parecia mesmo que estávamos bem longe da cidade, até o ar é diferente...
No final ainda demos uma saltada ao Museu mas rapidinha pois o meu filhote só pedia para irmos embora, convencido que iamos voltar para a selva... :)
Adorei mas mais uma vez fiquei derreada... Nem tenho noção dos kms que percorremos mas poucos não foram de certeza... Havemos de voltar...

Sábado

Sábado de manhã fomos à praia... o João estava tão deliciado que até falava com voz de mimo, de bebé...lolol..
fartou-se de brincar na areia, com o balde, a pá e o camião... a brincadeira preferida continua a ser encher o balde com água e vir para cima despejá-lo para depois voltar a fazer o mesmo... fiquei derreada porque ele queria sempre a minha companhia... hihihi... e o meu pézito ressentiu-se...
fiz algumas tentativas para que ele mergulhasse mas não quis, dizia sempre que a água estava muito fria (o que a bem dizer é a mais pura das verdades!!!)... ainda consegui que inalasse um pouco de água do mar, não foi mau...
portou-se muito bem, não foi o stress que eu imaginava... este ano a praia vai ser mesmo feita a dois e a avaliar pela amostra vai ser pacífico... :)

depois de chegarmos a casa, tomamos banho e almoçamos... ainda antes da sobremesa pediu para dormir... deitei-o e nem se mexeu mais...lolol... claro que quando acabei de almoçar me juntei a ele...

4 dias em casa = 4 sestas

S.João

em 32 anos de vida nunca tinha passado um S. João com chuva...
para o João valeu pelo martelo novo e pelas pipocas...
eram 22.30 e estávamos a vir para casa, não dá para andar à chuva com as crianças...
só me ocorre uma palavra: FIASCO!

quarta-feira, junho 18, 2008

Hoje

o meu filho não quis que eu subisse as escadas com ele até casa da avó.
deu-me um beijo e disse-me "ficas aqui!", ao que eu lhe respondi com um "Porta-te bem e um gosto muito de ti" e ele devolveu com um sorriso enorme outro porta-te bem e um "O João também gosta muito de ti!"...
(já fazia isto com o pai mas comigo pensei que ia bater o mimo...

terça-feira, junho 17, 2008

O ano passado, por altura da Primavera alguém me disse que esta era a altura em que a nós, mulheres, nos dava para a arrumação... não sei se é assim com as meninas que me lêem mas a verdade é que tenho sido atacada por alguns acessos de arrumação furiosa, eu juro que tento resistir mas o que é que eu posso fazer? É mais forte do que eu...
Ontem, por causa da história do sono do João Ratão, pus-me a pensar se haveria alguma maneira de tornar o quartinho dele mais apelativo (apesar de eu achar que está o máximo e saber dentro de mim que não tem nada a ver com isso)... e então decidi que vou mudar a disposição de alguns móveis no quarto dele ...
Comecei ontem, por abrir os pipos do submarino insuflável com bolas que ele tinha no quarto e que ocupa imenso espaço útil!!!! Assim, aos poucos ele vai esvaziando e pode ser que o João Ratão se mentalize de uma vez que aquela coisa que ocupa imenso espaço não é essencial para a sua subsistência...
Hoje de manhã, ao acordar, chamou o pai muito aflito a dizer que o sol que entrava pela janela tinha estragado o submarino... lolol...
Chamem-me má mas prefiro substituir o submarino por uma mini-estante com os livrinhos dele que já vão sendo bastantes e estão a ficar sem espaço na estante da sala....

segunda-feira, junho 16, 2008

À noite...

Não só não adormece sozinho, tenho sempre de me ir deitar com ele, como agora ora quer dar-me a mão, ora quer abraçar-me... adormece comigo na minha cama e depois mudamo-lo para a dele mas passado um pouco volta... há dias que por total estado de cansaço nosso nem sequer o chegamos a mudar, ele vence-nos pelo cansaço...
Gosta de dormir com o braço debaixo da minha almofada e muitas vezes ao virar-se fica com a cabeça na minha almofada... no outro dia ao virar-me dei uma pancada tão grande com o meu nariz na cabeça dele que no dia seguinte até estava dorida e ele nem se mexeu...
A culpa é nossa , eu sei... que faço? Começo a adormecê-lo na cama dele? E se ele vier ter comigo? Vou novamente para a cama dele? É que a cama não tem grades e ele faz o caminho da caminha dele para a nossa até de olhos fechados, parece-me...

sexta-feira, junho 13, 2008

Esta noite escapamos de boa....

A mamã esqueceu-se de pôr a fralda ontem à noite mas...
...o João esqueceu-se de fazer xixi a noite toda....
Ufaaaa!!!
(é que nas últimas noites a fralda tem amanhecido encharcadinha, pesada....)

quarta-feira, junho 11, 2008

Fases

outra nova aquisição é a premeditação...
Ontem, por exemplo, esta alma, que foi acometida por uma febre de limpezas incontrolável, tinha-se finalmente sentado no sofá por uns breves minutos... eis que o João Ratão me veio pedir o fato do homem-aranha... eu levantei-me e fui ao quarto dele à gaveta das meias e cuecas, onde o costumo guardar tal é a constante solicitação... na tentativa de que esta gaveta não fosse uma molhada total, comprei um cesto pequenito onde ponho as cuecas que assim, não se misturam (muito) com as meias... quando cheguei ao quarto vi logo o tal cesto em cima da cama, o que me deixou um bocado confusa pois a gaveta estava fechada... no entanto, no chão, estavam algumas meias e cuecas (poucas) , o que me deixou ainda mais baralhada... quando abri a gaveta foi o MEDO.... tudo enrolado, a monte...
perguntei-lhe o que tinha acontecido e ele disse-me que estava à procura do fato do homem-aranha mas que não tinha encontrado... pormenor importante... antes de vir ter comigo, tentou arrumar tudo para disfarçar mas sobraram algumas pecitas, coisa pouca...lol...
não sei se ria se chore... a verdade, é que aqueles breves minutos em que me ia sentar no sofá, foram passados a arrumar meias e cuecas... dahhh...

Fases

Estamos numa fase de birras em que a cada pequeno momento de frustração se desenvolve primeiro um choro meio fingido e depois, tal como uma bola de neve, a coisa vai aumentando, terminando invariavelmente com uma criança a chorar, provavelmente já sem saber muito bem porquê e por outro, com uma mãe à beira de um ataque de nervos... muitas vezes, atribuo estas birras ao meu cansaço a minha falta de paciência e penso que sou eu que devia ser mais compreensiva, talvez mais permissiva... outras vezes penso que o meu menino está a ficar manipulador e à mínima mostra de impaciência da minha parte resolve forçar a barra ainda mais um bocadinho para ver se o limite esticou... há momentos em que me leva a tal desespero que até me apetece chorar, eu sei que é uma infantilidade mas bolas, esta fase está a ser muito complicada...

quinta-feira, junho 05, 2008

O meu herói de palmo e meio

Estamos na fase dos super-heróis, do homem-aanha(Homem-Aranha), do huk (Hulk), do voveine (Wolverine), etc... os personagens dividem-se em bons e maus e há que defini-lo sempre...
Pergunta-me se tenho medo de alguma coisa e depois diz para não me preocupar porque me vai salvar, pois é um supé-heói!
No outro dia, pegou num bonequinho que comprei juntamente com um homem-aranha pequeno (não faço a mínima ideia do seu nome mas que tem cauda de escorpião e por isso deve pertencer aos maus) e fez de conta que ele me ia atacar... Eu encolhi-me e disse :
-Que medo!!!!!
E ele atirou com o boneco para o chão e disse:
-Não tenhas medo mamã!
E eu, muito dada a novelas, respondi com o ar mais sincero do Mundo:
-Obrigada João! Salvaste-me!!! És o meu herói!
E ele ficou assim com aquela cara de felicidade total a olhar para mim, os olhos a brilharem, um sorriso de orelha a orelha porque era um herói, um bom herói que mais uma vez tinha ganho a luta contra o mal!
E eu toda feliz porque era uma princesa e tinha sido salva pelo meu herói....

:)

5 de Junho de 2008

4 anos, 4 anos nossos, casados ...
há 4 anos vivia o dia mais feliz da minha vida (até então, porque depois apareceu um tal de João Ratão que deu a volta à coisa cá com uma pinta)...
Amo-te mais do que tudo, apesar da vida maluca, apesar das contrariedades, das dificuldades, da falta de tempo que nos massacra neste momento, cada abraço, cada sorriso teu compensam tudo...
a minha vida só faz sentido contigo, és parte essencial de mim, da minha essência! fica comigo para sempre
Parabéns meu amor!!!!

quarta-feira, junho 04, 2008

4 de Junho


t-r-e-z-e

a-n-o-s

d-e

n-a-m-o-r-o !



amo-te !