Lilypie Second Birthday tickers

Lilypie Second Birthday tickers

quinta-feira, agosto 02, 2007

Post de coisas pequeninas para mais tarde recordar

tenho andado desaparecida... o cansaço e a vontade de não fazer mesmo nada põem-me sempre assim antes das férias...
a vidinha vai correndo...

O João Ratão está cada vez mais espertalhaço... de ouvidinhos bem abertos, muitas vezes para o que não deve.. temos agora de ter tento na língua porque senão passamos vergonhas...

O desmame das fraldas tem tido altos e baixos... vamos lá a ver como prossegue com a chegada das férias...

Desde que teve a gastro que não come da minha sopa , só da avó D., pode? manias!!!

Já diz umas coisas engraçadas do género apémanhã(até amanhã), obigarro (obrigado), papatitomamã (piriquito da mamã que é como lhe chamo pela sua forma de correr), jácabei( quando ainda não acabou de comer mas já não quer mais), numténada (quando olhando para o pote constata que ainda não fez xixi)...

Adora a praia mas não gosta de água fria mas está sempre a ganhar coragem para lá se meter, tadinho... a mim até me doem os ossos só de molhar os pés... a todas as horas do dia pergunta: Pá paia?

O DVD preferido é o do Pimba-pimba que consiste num apanhado de acidentes em corridas de motas, carros e camiões.. é horrivel e ele vibra com aquilo e já sabe de cor...

Adora gelados (dado) e chupas (pupapupa), está a ficar um guloso, marcha tudo, no outro dia fui dar com ele a lamber o papel de uma tablete de chocolate para culinária...

Tem umas sapatilhas com aspecto de carro que à medida que ele vai andando dão luz à frente a atrás, foi um devaneio do tatá e ele delira com aquilo...

Está sempre a comparar o grande (Dande dito com voz grossa) e o pequeno (pinininho dito com voz fininha e fofa)

De manhã não quer ficar na minha mãe e à tarde não quer vir embora

Já desce as escadas sozinho só agarrado ao corrimão... quer tirar a mão do apoio mas depois tem medo e à última não consegue....

está a ficar mesmo um rapazinho, e eu tenho saudades do meu bebé mas gosto tanto de o ver assim crescido....

vou matando as saudades de bebés com a Maria que está fofíssima e já bate palminhas mas só quando lhe apetece, não há confianças...


É verdade, confesso que já tenho saudades de ter um bebézinho no meu colinho mas este ainda não é o momento... se acontecer acontece e até fico contente mas conscientemente, de forma voluntária não vai mesmo acontecer... sinto que preciso de abrandar um pouco ou pelo menos de não acelerar por enquanto...
nunca mais chegam as férias... :-)

1 comentário:

maria disse...

É tão bom vivenciarmos essas pequenas conquistas deles.

bjnhos